Música Brasileira: Um Século de Inovação

Timeline created by kinastbruna
In Music
  • 1916 – Bahiano – Pelo Telefone

    1916 – Bahiano – Pelo Telefone
    Um dos primeiros registros fonográficos feitos no Brasil, Pelo Telefone é um Samba de Donga, composto em plena década de 1910, sobre como era complicado ser negro e pobre num país como o Brasil, que se achava europeu.
  • 1939 – Francisco Alves – Aquarela do Brasil

    1939 – Francisco Alves – Aquarela do Brasil
    Esta gravação é o primeiro registro do descomunal samba exaltação composto por Ary Barroso. A letra e a melodia são exemplos de como é possível obter harmonia sobre qualquer tema, em qualquer época. Não dá pra imaginá-los separados. A interpretação de Francisco Alves é atemporal. O verdadeiro hino nacional.
  • 1952 – Lupicínio Rodrigues E As Três Marias – Felicidade

    1952 – Lupicínio Rodrigues E As Três Marias – Felicidade
    O gaúcho Lupicínio Rodrigues foi o inventor do que se entendeu como “dor de cotovelo”. Compôs marchinhas de carnaval e sambas-canção, mas Felicidade é seu maior feito musical. Também é conhecido por ter composto do hino de seu time do coração, o Grêmio. Lupe faleceu em 1974 aos 59 anos.
  • 1963 – Jorge Ben – Mas Que Nada

    1963 – Jorge Ben – Mas Que Nada
    O primeiro disco de Jorge Ben, Samba Esquema Novo, já entrega, pelo título, sua intenção: modernizar e rejuvenescer o samba, levando-o para uma repaginação em termos de conteúdo e referencial. Era um movimento espontâneo, no qual Jorge trafegava com desenvoltura. Em Mas Que Nada, ele criou um refrão sem significado, que, com o tempo, para muitos quis dizer Brasil.
  • 1970 – Tim Maia – Azul Da Cor Do Mar

    1970 – Tim Maia – Azul Da Cor Do Mar
    Ao longo de sua carreira, Tim Maia foi muito mais um intérprete do que cantor/compositor. No entanto, os momentos em que cantou suas próprias canções são absolutamente iluminados. Azul Da Cor Do Mar, com letra dolorida e sonhadora, arranjo impecável e vocais absolutamente Soul, é um desses momentos imaculados.
  • 1983 – Lulu Santos – Como Uma Onda (Zen Surfismo)

    1983 – Lulu Santos – Como Uma Onda (Zen Surfismo)
    Gravada para a trilha do filme Garota Dourada, essa canção de Lulu Santos e Nelson Motta é bastante emblemática do início do Rock nacional oitentista. Com uma levada dolente e muito próxima de ritmos latinos, Como Uma Onda tornou-se um clássico, até hoje obrigatório nos shows de Lulu Santos.
  • 1991 – Racionais Mc – Fim De Semana No Parque

    1991 – Racionais Mc – Fim De Semana No Parque
    A primeira música do grupo paulistano a ser ouvida longe da realidade da periferia da maior cidade do país. Com produção limitada e samplers de Dumingaz, de Jorge Ben, a letra é um retrato da desigualdade entre as realidades sociais de habitantes do mesmo centro urbano.
  • 2001 – Los Hermanos – Casa Pré-Fabricada

    2001 – Los Hermanos – Casa Pré-Fabricada
    A grande canção do segundo disco do grupo carioca, Bloco do Eu Sozinho. Há ecos de MPB e influência de guitarras de bandas como Weezer no arranjo, mas a letra é 100% herdada de vertentes mais românticas e tradicionais da música brasileira.